28 de ago de 2011

Resenha: Princesa em Treinamento, Diário da Princesa #6

Classificação: 4/5
Editora: Galera Record
Autor: Meg Cabot
Ano: 2006
Páginas: 320
ISBN: 978-85-01-07477-5

A Editora não oferece o primeiro capítulo do livro em seu site! 

Mia Thermopolis, princesa de Genovia, está pronta pra mais um ano letivo. Ou quase. É que as coisas não andam muito bem. Durante as férias de verão período que assume suas atividades como integrante da realeza, Mia tem a brilhante idéia de mandar jogar na baía de Genovia, infestada por algas-assassinas, dez mil lesmas sul-americanas. Mas o que deveria ser uma solução acabou se tornando um problema ainda maior, e agora Genovia corre o risco de ser expulsa da União Européia.
Mia volta as aulas preocupada com essa ameaça. E de cara percebe que o ano não será nada fácil. Primeiro porque geometria não parece ser nem um pouco mais simples que álgebra. Depois ela tem uma grande decepção: pela primeira vez tira um B em redação. Logo ela que quer ser escritora!
Além das aulas, a princesa ainda esta diante de outras dificuldades. Sua melhor amiga, Lilly, a indicou para presidente do conselho estudantil. E como não poderia deixar de ser, ela terá de entrar numa acirrada disputa de popularidade com Lana, sua arqui-rival.
Para piorar, Lana levanta a questão que vai tirar o sono da princesinha. Ela dia a Mia que os garotos da faculdade esperam que suas namoradas Façam Aquilo. E Michael acabou de entrar na faculdade. Mas será que o namorado de Mia é como todos os outros garotos?

É incrível como Meg Cabot consegue tratar de assuntos complicados como a primeira vez de uma garota de uma forma leve, descontraída e muitas vezes engraçadas. Fiquem calmos porque isso não é um spoiler do livro! É só o assunto que é tratado mesmo, haha. O livro é bem leve e a leitura flui bastante. Porém achei que como esse livro foi o sexto livro da série Diário da Princesa, ele poderia ter mais assunto e mais coisas para serem faladas. Tudo bem que a primeira vez de uma pessoa é realmente muito importante, principalmente de uma garota, mas o assunto foi tratado superficialmente em algumas horas e achei que poderia ter mais para se falar. Lily, a melhor amiga de Mia, me irritou nesse livro profundamente. Achei que ela usou a amiga para conseguir a presidência do Conselho Estudantil sem mesmo saber a opinião dela sobre isso. Lana como sempre, é uma chata que só sabe irritar, mas gosto de algumas vezes que ela provoca a Mia. Se pensarmos, ela meio que abre a mente da Mia para pensar em algumas coisas.

O livro poderia abordar mais algumas coisas, mas no geral ele é ótimo! Adorei. Como não gostar de um livro escrito pela Meg, não é mesmo?

Um comentário:

  1. Eu também adoro tudo que a Meg escreve, mas, como você, também senti falta de assunto nesse livro.
    Na verdade, pra mim, achei o 5º e o 6º volumes da série bem o estilo enrolação...Foram o ponto baixo pra mim.
    Mas a partir do sétimo a história esquenta, pode apostar!
    E a Lilly sempre me irrita também haha
    Beijos!

    ResponderExcluir